Direitos do trabalhador temporário

      Nenhum comentário em Direitos do trabalhador temporário

Direitos do trabalhador temporário: saiba seus detalhes e questões – O fim de ano traz como grande chance para pessoas que precisam de uma posição no mercado de trabalho a possibilidade de contratação como trabalhador temporário.

Direitos do trabalhador temporário

Acontece, porém, que muitas pessoas desconhecem todos os direitos que esse tipo de contrato traz, além das vantagens e problemas que costumam ocorrer dentro desse tipo de regime de trabalho.

Vamos falar mais sobre os direitos do trabalhador temporário, o que ele pode ou não fazer, quais são as grandes diferenças de trabalhador temporário e quais são os desafios desse tipo de contrato.

Direitos do trabalhador temporário

O que é o trabalho temporário e quais são seus diferenciais?

Especialmente durante o fim de ano, diversas áreas de comercio e similares contratam trabalhadores temporários para diversas posições, sendo que especialmente atendimento, vendas e despachos são especialmente requisitados.

O trabalhador temporário é um reforço especialmente bem vindo, com alguns diferenciais de contrato, usado para substituir temporariamente funcionários ou ainda reforçar o quadro. Os direitos do trabalhador temporário são dúvida para muitas pessoas, e exatamente por isso vamos mostrar exatamente o que muda ou não para o trabalhador temporário.

Quais as vantagens do trabalho temporário?

Ser um trabalhador temporário é mais interessante do que a maioria acredita. Apesar de não ser, originalmente, uma vaga efetiva, a chance de um funcionário extremamente eficiente se tornar parte do quadro fixo de funcionários é enorme, já que essa é uma época de ajustes da empresa da mesma forma.

Outra informação importante é que muitos trabalhos temporários, especialmente os relacionados a vendas, também oferecem excelente remunerações adicionais relacionadas às comissões, então pode ser uma excelente forma de aumenta sua renda e conseguir fazer uma reserva até conseguir um novo emprego.

Quais os direitos do trabalhador temporário?

Os direitos do trabalhador temporário tem relativamente pouca diferença em relação aos direitos do trabalhador padrão CLT. Ou seja, a carteira de trabalho é assinada de forma similar (a diferença é que o contrato, nesse caso, é que o contrato tem um prazo de validade que pode ter até três meses, podendo ser estendido com autorização do ministério do trabalho).

Além disso, os direitos do trabalhador temporário envolvem vale transporte, alimentação, refeição, plano de saúde e outros benefícios que são oferecidos para os trabalhadores efetivos, com a diferença que alguns benefícios são menores ou diferentes, por decorrência do trabalho.

Interrupção do contrato

Outro ponto especialmente importante é a questão da interrupção deste contrato de trabalho, como o contrato tem prazo de validade de, no máximo, três meses, no fim do contrato não existe nenhum tipo de multa rescisória por parte do contratador, já que o trabalhador já estava ciente de que este contrato seria interrompido.

Porém, mesmo que as multas não sejam aplicadas, você, ainda sim, pode efetuar o saque do FGTS. Da mesma maneira que seria possível caso você fosse desligado de uma empresa no regime efetivo.

Observações

Entretanto, o contrato do trabalhador temporário precisa ser cumprido em sua totalidade, ou o mais próximo possível disso. Caso o contrato seja rompido pelo empregador sem justa causa, todas as taxas e multa de 40% do valor do FGTS são cabíveis.

Os requisitos e hora extras e similares são também cabíveis, sendo que é necessário manter o limite de horas extras mensais e elas precisam ser pagas com 50% de acréscimo, além do adicional noturno e outras situações aplicáveis.

Deixe uma resposta