Quais são os direitos trabalhistas em caso de demissão?

Na hora da demissão muitos trabalhadores têm dúvidas sobre quais são seus direitos trabalhistas.

A dúvida vai do que tem direito a receber na hora da demissão até se tem ou não direito ao seguro desemprego

A demissão pode ocorrer tanto a pedido do trabalhador quanto por iniciativa do empregador em demitir o trabalhador. E para cada um caso os direitos trabalhistas são diferenciados.

Vejamos quais são os direitos trabalhistas em caso de demissão

Seguro desemprego

Trabalhador pede demissão

Quando o trabalhador pede demissão a rescisão de contrato, tem direito a receber:

  • Saldo de salário,
  • Salário-família
  • Indenização das férias integrais não gozadas e proporcionais, acrescidas do terço constitucional (mesmo que o empregado ainda não tenha completado um ano na empresa)
  • Gratificação natalina proporcional (13º salário proporcional).

Atenção: Quando pede demissão o trabalhador não tem direito de sacar o Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS), nem poderá requerer o Seguro-Desemprego, pois parou de trabalhar por seu próprio interesse.

Empregador demite

Quando a demissão parte do empregador ela pode ser sem justa causa ou por justa causa.

Demissão sem justa causa

Quando o empregador demite o trabalhador sem justificativa, ele terá direito a receber:

  • Aviso prévio
  • Saldo de salário
  • Indenização das férias integrais (não gozadas e proporcionais, acrescidas do terço constitucional),
  • Gratificação natalina proporcional (13º salário proporcional),
  • Indenização compensatória de 40% dos depósitos do FGTS e o levantamento do saldo existente na conta vinculada do FGTS.
  • Seguro desemprego

Demissão por justa causa

Já o trabalhador que for dispensando por justa causa, ou seja, com uma das justificativas previstas nas hipóteses legais de falta grave do art. 482 da CLT, terá direito a receber apenas:

  • Saldo de salário
  • Indenização das férias não gozadas, acrescidas do terço constitucional.

No caso de falência da empresa, ocorre o término dos contratos de trabalhos e o trabalhador tem os mesmos direitos que o do dispensado sem justa causa.

Veja também:

Curta também nossa fan page para mais informações.

Deixe uma resposta

  1. oi fui dispensada sem justa causa pq a loja fecho ai fui da entrada no meu seguro desemprego pois tinha 9 meses trabalhado. ai chegando la eles me mandara fazer entrevista para trabalha sendo que e a primeira vez que vou receber e não quero trabalha quero receber meus direito como fazer numa situação dessa ?

    • Olá Jéssica

      A lei 7998/1990, do Seguro-Desemprego, já diz que uma das ações a serem realizadas será a recolocação do trabalhador no mercado de trabalho e a outra será dar um auxílio para que a pessoa desempregada sem justa causa possa procurar um emprego e não fique sem renda. Ou seja, isso de encaminhar para fazer entrevista estava na lei desde o seu surgimento, porém não era aplicado. Agora é assim. Seguro-Desemprego não é direito garantido de ninguém. As pessoas é que estão mal acostumadas.

  2. olá meu nome é tatiane
    08/04/2014

    estou a sete meses numa empresa estou cumprindo o avisa mas eu ja fiz o exame demissional eu posso continuar trabalhando para empresa ate termina o meu aviso

  3. trabalhei em uma empresa por 13 anos, acertei, e ao mesmo tempo entrei em outra se eu não passar dos 90 dias, poço dar entrada ou perdi?

  4. Trabalhei durante 3 meses em uma impresa com registro na carteira de trabalho, gostaria de saber quais sao os meus direitos e os beneficios, simplismente nao teve aviso previo eles me chamaram faltando 3 dias pra completar os 3 meses e demitiram isso ta certo?…

  5. Fui demitido no dia 28 de maio e até agora a empresa não me passou a chave para dar entrada no seguro desemprego; quanto tempo a empresa tem para me passar a chave?