Seguro desemprego após ação trabalhista

Aqui mostraremos todas as informações necessárias e como funciona o Seguro desemprego após ação trabalhista.

Hoje é muito comum ver alguém que foi atrás de seus direitos e tenha entrado com uma ação trabalhista contra algum empregador, ainda mais pelo atraso na entrega das guias para dar entrada no seguro desemprego após ação trabalhista, e claro por ser um dos maiores e mais importante benefício do trabalhador brasileiro.

Oque é o seguro desemprego?

Seguro desemprego é um benefício dado a trabalhadores demitidos sem justa causa, um dos benefícios mais requisitados apos ser demitido sem justa causa, o seguro desemprego é um benefício do governo federal junto ao ministério do trabalho.

Quem tem direito ao seguro desemprego?

Para o trabalhador ter direito ao seguro desemprego é exigido que ele esteja dentro de vários requisitos mínimos imposto pelo Ministério do Trabalho e o governo brasileiro, com todos os documentos devidamente preenchidos deve dirigir-se até um posto de atendimento do ministério do trabalho e fazer a solicitação.

Seguro desemprego após ação trabalhista

Receber o seguro desemprego após uma ação trabalhista talvez seja uma das maiores dúvidas de um trabalhador quando se chega a esse ponto, dado como uma atitude extrema.

Entrar com um processo ou mover uma ação contra o antigo ou o atual empregador é um direito do trabalhador, que por algum motivo, teve seus direitos feridos ou injustiçados quanto a conduta da empresa.

Seguro desemprego após ação trabalhista

Lembrando que para entrar com uma ação desta, o trabalhador tem que estar muito certo e embasado naquilo que está alegando, pois, ir atrás de direito de modo errado, ou provas falsas ou forjadas pode acabar complicando a vida do trabalhador, em alguns casos se for comprovada a má fé do funcionário, o mesmo pode ser até ser condenado a pagar multa ou ser incluído no crime de falsa identidade.

Empresa demorou em dar as guias do seguro desemprego, o que acontece?

Geralmente em uma ação trabalhista alguns benefícios como FGTS e o seguro desemprego são liberados imediatamente após a primeira audiência, com a liberação judicial não há prazo, o juiz determinando, a Caixa Econômica Federal é obrigada a cumprir a ordem.

Lembrando que existem processos em que a pessoa já recebeu alguns de seus direitos e pleiteiam por outros valores.

Após a liberação judicial basta ir a uma agência da Caixa com a ordem judicial e a documentação e dar entrada no Seguro desemprego após ação trabalhista.

Os benefícios contidos na CLT são direito do trabalhador, vale a pena ler ou pesquisar sobre todos eles, e vale salientar que na demora da liberação das guias é de extrema importância procurar um advogado ou um posto do Ministério do Trabalho para que consiga esclarecer dúvidas e saber qual decisão tomar.

Liberação tardia das guias do seguro desemprego

Empregador que entrega guias do seguro desemprego fora do prazo legal deve pagar indenização substitutiva.

O seguro desemprego é um beneficio de suma importância para o empregado demitido, portanto, o atraso na entrega das guias ou para a homologação pode sim resultar em ação trabalhista onde a empresa poderá ser punida severamente pelo ministério do trabalho.

Ainda ficou com dúvidas? Deixe um comentário. Aproveite e compartilhe este artigo com outras pessoas.

Não deixe de compartilhar estas informações!

Seguro desemprego após ação trabalhista
4.3 (86.67%) 3 votes



Deixe uma resposta